Vai para o site internacional
Está actualmente no site dedicado à Cleanwatts Portugal. Seleccione se pretende ir para o site internacional em inglês.
Cleanwatts e Bombeiros de Portalegre vão levar energia mais barata a mais de 200 famílias
14 Junho 20233 minutos

Resumo

  • Esta instalação terá uma capacidade total de 231,3 kW 
  • O projeto vai permitir um desconto médio de 75% na fatura da eletricidade 
  • Serão evitadas mais de 87 toneladas de emissões de C02  
  • 207 famílias serão apoiadas com energia limpa e mais barata 

História

A Cleanwatts foi o parceiro escolhido para a criação da Comunidade de Energia Renovável (CER) da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Portalegre (AHBVP). A proposta foi apresentada e aprovada pelos sócios, em reunião de Assembleia Geral, tendo o contrato sido assinado pela Direção da AHBVP, presidida por João Mota Lourenço, no início de maio. Agora, seguir-se-á a instalação das centrais fotovoltaicas, com uma potência instalada total de 231,3 kW. Este projeto não implica qualquer custo para os bombeiros, uma vez que o investimento será assumido, na totalidade, pela Cleanwatts. 

Esta Comunidade de Energia vai permitir aos Bombeiros um desconto médio de 75%, face à tarifa estimada para a energia da rede, na fatura da eletricidade. Os bombeiros vão, ainda, tornar-se climate-positive, gerando mais 376% de energia verde do que a totalidade do seu consumo e evitando 87 toneladas equivalentes de CO2. Para além disso, a Associação passará a ter uma maior independência energética, uma vez que 51% da energia consumida passa a ser proveniente da Central Solar (autoconsumo). 

Maria João Benquerença, Diretora de Comunidades de Energia da Cleanwatts:

Estamos muito satisfeitos com a criação desta Comunidade de Energia com os Bombeiros de Portalegre. Esta CER está muito alinhada com aquilo que pretendemos que as Comunidade de Energia sejam, até na sua vertente social. Sabemos que os Bombeiros de Portalegre vão dar muito bom uso ao excedente de energia produzida, ajudando as famílias mais carenciadas da região e contribuindo, assim, para combater a pobreza energética, que é um dos principais objetivos das Comunidades de Energia.

 

Através desta CER, os Bombeiros apoiarão 207 famílias, que beneficiarão de uma tarifa social comunitária cerca de 30% inferior às atuais tarifas de mercado. Com este projeto, a Cleanwatts reforça o investimento em Portalegre e a sua aposta no Alentejo.

Maria João Benquerença:

Temos investido bastante nesta zona e vamos continuar a fazê-lo, pois na Cleanwatts acreditamos que no Interior também há espaço para a inovação. Já foram aprovadas pela DGEG – e está para muito breve o arranque das instalações – as Comunidades de Energia da Santa Casa da Misericórdia de Portalegre, do Lar de São Domingos e do Infantário Os Traquinas, em Fortios.

A DGEG tem tido alguma dificuldade em fazer face aos inúmeros pedidos de aprovação de Comunidades de Energia, dos últimos meses, o que atrasa todo o processo, mas as coisas estão em marcha.

João Mota Lourenço, Presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Portalegre:

Este projeto é essencial no âmbito do plano de eficiência energética dos Bombeiros de Portalegre, que entenderam implementar uma Comunidade De Energia Renovável em parceira com a Cleanwatts. A criação desta CER visa contribuir, por um lado, para a redução da pegada ecológica e, por outro lado, para criar condições para a comunidade dos Bombeiros de Portalegre poder usufruir de energia mais limpa com a respetiva redução de custos na sua fatura energética.

Mantenha-se atualizado

Receba as últimas notícias sobre transição energética diretamente no seu e-mail.

Li e aceito a política de privacidade.

Obrigado pela sua inscrição
Foi adicionado com sucesso à nossa lista de email e iremos mantê-lo informado sobre as nossas novidades.